Antes de ter gosto pela fotografia eu tive gosto pela escrita, uma vez até comecei a escrever um livro, mas parei no quarto capítulo e essa ideia ficou no passado. Tenho amigas queridas que dizem adorar ler o que eu escrevo. Eu adoro contar histórias, exagerar, fazer rir…..rs. Aqui não, aqui escrevo sem exagero. Escrevo com o coração….

E, desde já peço licença para o texto com alguns detalhes e o montão de fotos…..mas faço questão. Na verdade, não consigo me desapegar tão facilmente. Se não escrevo mais é para preservar a privacidade dos “personagens”.

Então, senta que lá vem história:

Conhecia a Kristal apenas pelo Facebook. Foi por intermédio de um blog que ela mantém com algumas amigas, o Pac Mãe. De repente um dia a vi falando sobre se casar, etc e tal e pensei: esse casamento vai ser muito legal!

Criei coragem, usei da maior cara de pau e a abordei….me oferecendo para fotografar o casamento. Eu não faço isso….juro mesmo. Deu certo. Fui contratada. A dor de barriga veio depois, porque fotografar casamentos é uma grande responsabilidade e muitos fotógrafos almejam isso. Eu almejo fotografar os bebês mais fofos do mundo, pessoas e festas legais. Independente da ocasião.

A Kristal e o Rafael não são meus amigos (ainda),  são meus clientes apenas (que pena), mas eu me senti parte de tudo aquilo. Eu quero ser amiga deles, ser amiga dos amigos deles, fazer parte das famílias deles. Quero ser mais uma das tias do Marco…. Quem é o Marco? Veja as fotos e tire suas conclusões. Ele dispensa apresentações. Como ele mesmo disse: eu sou legal! Ele é legal, divertido, simpático, carinhoso, amado e faz parte dessa história toda, do começo ao fim.

Decoração com a cara deles, em um local acolhedor, onde todos se viam e sorriam juntos… Grama, luzinhas, árvores, fitas coloridas….tudo aumentava o clima que eles quiseram criar.

A cerimônia, com trilha sonora de primeira: Joe Cocker, Eddi Vedder, Strokes, Pearl Jam e por aí vai…… começou com a irmã do Rafa, a Roberta, seguida da Karina, irmã da Kris, e dos amigos Celso e Rafa….este segundo, Tio Rafa Careca, segundo o Marco..rs.

Quem melhor para descrever a trajetória de uma história de amor do quê aqueles que fizeram parte dela? Ninguém segurou as lágrimas, foi emocionante e feliz! Se a fotógrafa chorou? Ahahahahaha….nem precisa perguntar.

Logo vieram as alianças, as juras de amor nada ensaiadas e vamos para a festa! Festa com a cara deles com energia contagiante e bolo colorido! Assim, como tem que ser a vida: com muita cor.

E o buquê, gente? Não poderia ter sido diferente. Em uma festa onde a única coisa que importa é a felicidade desse casal, vale entrar na brincadeira e ser feliz. Para aqueles mais curiosos: o gentil rapaz participou da brincadeira, mas cedeu o buquê para uma moçoila solteira, depois. Boa sorte para vocês!

Não posso deixar de citar a equipe da Jullar Assessoria, Jú e Lari, que foram perfeitas! Como é bom trabalhar com equipes que respeitam o meu trabalho. Ao pessoal do Espaço Guimarães, muito obrigada igualmente, pela acolhida.

Kristal, Rafael e Marco: desejo a vocês apenas o que vocês já têm, amor! Essa família linda que vocês formam é de dar gosto..rs.

Agora, vamos lá? Ver as fotos? Espero que curtam!

Beijos!

6 - KR37 - KR

 

Leave A

Comment

May 30, 2017
Que fotos lindas!!!! Parabéns Bete Sozza, senti daqui a emoção em cada foto!!!
Reply